quinta-feira, 29 de novembro de 2012

Cine Royal


Cine Royal

O Cine Royal na rua da Graça (obra do arquitecto Norte Júnior), exibindo na fachada o "selo" do seu proprietário (o industrial Agapito da Serra Fernandes ) - a famosa estrela que insistentemente se reproduz nos painéis azulejares e na calçada do bairro Estrela de Ouro - é inaugurado no Natal de 1929. A 5 de Abril de 1930 é exibido o filme "Sombras Brancas nos Mares do Sul", de Van Dyke, apresentado pela Metro-Goldwin-Mayer, deste modo estreando o Cine Royal o seu equipamento sonoro com aparelhos da Western Electric, o primeiro da cidade a dispôr de semelhante inovação, devidamente distinguido e premiado com a presença do Presidente da República.
Hoje em dia é um super-mercado.





 

Um comentário:

  1. Começo por dar os meus parabéns ao autor deste blog, que me trouxe à lembrança coisas e lugares da minha meninice. Apenas um pequeno reparo, porque o "rolhas" foi um dos "meus" cinemas (nasci e cresci nesse bairro) penso que o nome correcto é Royal Cine e não o contrário, o que aliás se poderá confirmar através de fotos da época. Cumprimentos

    ResponderExcluir